domingo, 11 de março de 2018

"O PEQUENO CAMINHO DAS GRANDES PERGUNTAS"

 
Em dia menos bom, voltei-me para a leitura, a minha grande válvula de escape. Dou preferência a textos curtos que me retirem dos quotidianos, enquanto me emprestaram tranquilidade. Tolentino Mendonça anda na minha agenda em alturas destas e o livro escolhido — O Pequeno Caminho das Grandes Perguntas — veio mesmo na hora certa. O tema que se seguia, indicado pelo marcador, tem por título “A ferida dos que nos ferem” e acertou no alvo, que sou eu. Transcrevo algumas frases que me acordaram para a realidade dos meus dias e que servem para abrir o apetite a eventuais leitores do padre e poeta Tolentino Mendonça, o padre que orientou o retiro espiritual do Papa e de alguns dos seus colaboradores na Cúria Romana, nesta Quaresma.

“A cada altura agarramo-nos à dor como se ela fosse um heroísmo e pomo-nos a expor feridas como quem exibe condecorações.”

“Descobrimos que há um prazer em listar achaques e traições; e, se a minha chaga puder ser maior do que a tua, tanto melhor, isso reforça o meu estatuto.”

“A verdade é que, se não tomamos atenção, a desgraça íntima torna-se um escanzelado pódio onde nos blindamos.”

“É fácil reproduzir um esquema dialético em que somos a vítima e o outro é o agressor e esquecer que também ele é atravessado pelo sofrimento.”

“Um necessário caminho é reconhecer que naqueles que nos ferem (ou feriram) há também bloqueios, mazelas e opacos novelos. Se não nos amaram, não foi necessariamente por um ato deliberado, mas por uma história porventura ainda mais sufocada do que a nossa.”

“Não se trata de desculpabilização, mas de reconhecer que naquele que não me fez justiça ou não me devolveu a cordialidade que investi existe alguém provado pelo limite. E que a ferida agora acesa não se destinava a mim especificamente: era um magma de violência à deriva, à beira de estalar.”


NOTA: Estas transcrições soltas do texto servem, fundamentalmente, como sugestão de reflexão e de leitura do livro de Tolentino Mendonça.

Título: O Pequeno Caminho das Grandes Perguntas
Autor: José Tolentino Mendonça
1.ª edição: setembro de 2017
Editora: Quetzal

Sem comentários: