ESPANTO


"Aquele que já não consegue sentir espanto nem surpresa 
está, por assim dizer, morto; os seus olhos estão apagados." 

Albert Einstein (1879-1955)

Comentários