À descoberta da Gafanha da Nazaré




Das dunas batidas por vento agreste, um povo
habituado a vida dura noutras paragens,
soube tirar o seu sustento.
A laguna deu-lhe o moliço com que fertilizou os campos.
Gente humilde e trabalhadora juntou ao das terras
o amanho das águas de onde tirou sal.
Aventurou-se e fez-se ao mar, em demanda do fiel amigo,
e o mar deu-lhe riqueza, mas reclamou inúmeras vidas.
De todo o lado vieram e fizeram grande
esta terra de oportunidades e tolerância
que ainda busca identidade.
Para os visitantes reserva sempre a melhor parte
e um convite para que venham…

Helena Maia Silva, João Alberto Roque
Roteiro Turístico
Junho de 2016



Ficha Técnica

Iniciativa: Departamento de Línguas do Agrupamento de Escolas da Gafanha da Nazaré
Coordenação: Helena Maia Silva
Pesquisa e redação: Alda Fernandes, Helena Maia Silva e João Alberto Roque
Edição: João Alberto Roque
Tradução: Elementos do Departamento de Línguas
Fotografia: Helena Maia Silva e João Alberto Roque (ver nota)
Tratamento de imagem: João Alberto Roque
Impressão: Tip. Minerva Central, Lda – Aveiro
Tiragem: 1500 exemplares
                Junho de 2016

Apoios: Agrupamento de Escolas da Gafanha da Nazaré
Junta de Freguesia da Gafanha da Nazaré
Câmara Municipal de Ílhavo

Nota: Algumas fotos relativas a associações e eventos foram retiradas dos respetivos sítios da internet, blogues ou facebook e não foi possível identificar os autores.
O mapa foi elaborado a partir dos mapas Sapo.

Comentários

Miguel disse…
Este comentário foi removido pelo autor.