PAZ SEM PREÇO


A paz que a Natureza nos oferece não tem preço. Ou, melhor, vale todo o oiro do mundo. Que importa a agitação que nos move? Que importa ambições desmedidas e prazeres fúteis? Que importa a luta pela luta? Que importa a vaidade que nos envolve? Que importa a febre da fama? Que importa a riqueza egoísta?
O arbusto sereno num azul celeste, apesar de nuvens que emergem num dia claro, aponta-nos a beleza que se reflecte no nosso íntimo. É bom aproveitar esta paz que nos inunda quando a procuramos e a encontramos.
Boa semana.

FM

Comentários