Papalagui - um livrinho para férias



Ontem, alguém me telefonou antes de partir de férias para o Algarve, pedindo-me um livro emprestado para sugerir como leitura a um jovem. O livro, que li há décadas, estaria na minha desorganizada biblioteca. Livro fininho, que se lê de um trago, estaria perdido porque não o via há muito. Procurei durante bastante tempo e lá o achei. Li umas passagens para recordar. E seguiu viagem, com votos (meus) de que inspire em quem o vai ler uma vida mais contida neste mundo de consumismo desenfreado. 
É uma leitura simples e rápida? É, sim senhor. Terá interesse nos dias de hoje? Julgo que sim. Ao menos faz-nos pensar no exagero do consumismo que nos estraga... Todo o exagero estraga. 
Boas férias

Posted using BlogPress from my iPad

Comentários