Assim vai o mundo


As notícias que nos chegam de todos os quadrantes são como bombas atómicas de grande potência. Quando nos caem em cima, a explosão é fatal. Não matam assim de repente, mas vão matando o nosso sonho de um mundo fraterno. A corrupção instalou-se de armas e bagagem nas sociedades contemporâneas. Se calhar  existiu sempre, através dos séculos. Só que, com os órgãos de comunicação social multifuncionais e atentos, tudo salta para a luz do dia. E não haverá gente honesta? É claro que há. Mas também não podemos ignorar a evidência. Há gente sem caráter um pouco por todo o lado. Há gente capaz de vender a alma ao diabo à custa do sofrimento de milhões de pessoas. Há gente que suja as mãos sem vergonha. E não há modo de os julgar e castigar. Pavoneiam-se como se nada fosse. Saem da cadeia porque têm milhões que lhes garantem a liberdade. Tem milhões para contratar advogados que, em nome das leis que os políticos fizeram aprovar, bloqueiam a justiça com recursos, requerimentos e todo um conjunto de manobras em nome do direito. 
Apesar disto tudo, não podemos esmorecer. O mundo mais justo tem de renascer. Eu acredito nisso.

Comentários