Estados Unidos e Cuba mais próximos

Estados Unidos e Cuba
restabelecem relações diplomáticas
com mediação do Papa

 
Obama com  Raúl Castro no funeral de Mandela

«Os Estados Unidos da América e Cuba decidiram ontem restabelecer as relações diplomáticas e económicas entre os dois países, que tinham sido cortadas em 1961, pouco depois de chegada ao poder de Fidel Castro.
Segundo o presidente norte-americano, Barack Obama, o Vaticano e o próprio Papa Francisco intervieram diretamente neste processo, pedindo às duas partes que restabelecessem o diálogo e promovessem mudanças.»

Li na Ecclesia


NOTA: Sabe-se que a aproximação entre EUA e Cuba foi preparada em segredo. A diplomacia, quando quer e pode, faz muito mais que as guerras. Ontem, dia de aniversário do Papa (78 anos), coincidência ou não, deu-se um enorme passo em frente e as embaixadas vão ser abertas. Depois, o tempo e a boa vontade de homens farão o resto. Mais de 50 anos de portas fechadas, EUA e Cuba poderão agora cooperar, no respeito pelas diferenças legítimas de cada Estado.
Os presidentes, Obama e Raúl, enalteceram o contributo do Papa Francisco para o restabelecimento das relações diplomáticas, coroadas com a libertação de  prisioneiros. 

Comentários