PAPA FRANCISCO PROMOVE A PAZ NA TERRA SANTA


Gostei de ver o rei da Jordânia a conduzir o Papa Francisco para a missa. Sorridentes e sem protocolos. A humildade e a alegria ficam sempre bem nas sociedades humanas, porque é, ou pode ser, um ponto de partida para diálogos frutuosos. Neste caso, numa região do mundo onde a guerra nunca teve fim à vista. Mas desta vez, em mais uma tentativa agora do papa, a oração entre os presidentes israelita e palestino com Francisco,  agendada para o Vaticano, pode ser um grande passo.

Ler mais aqui 

Comentários